jan 16, 2012
staff

Como foi a viagem a Galápagos

:: FOTOS: FABIO PARADISE ::

SOBRE GALÁPAGOS

Localizado a 1000 km da costa do Equador, o arquipélago é composto por 58 ilhas e ilhotas sendo que apenas 4 são habitadas, todas de formação vulcânica. Galápagos é famoso pela visita de Darwin, em 1835 (onde ele desenvolveu a teoria da seleção natural) e pelas diversas espécies endêmicas que habitam as suas ilhas. É o único lugar no mundo onde as iguanas são marinhas, há um pássaro com as patas azuis e as tartarugas são gigantes. São cerca de 2.900 espécies catalogadas e 18,2% delas são endêmicas, ou seja, só existem nas ilhas.

OBJETIVO

Fui com dois objetivos bem definidos: fazer um treinamento especial para as travessias do projeto SUPtravessias e evoluir o surf com stand up, uma vez que as ondas rápidas de Galápagos exigem técnica e habilidade.  E nada melhor do que fazer tudo isso em um dos lugares mais bonitos e com maior vida marinha do mundo. E também rever os amigos que fiz na minha viagem de 2009.

OS PARCEIROS

A SURF TRAVEL é a operadora  que organiza a logística de todas as minhas viagens.

A PATAGÔNIA é a operadora local que fez os todos os passeios na ilha.

O FABIO PARADISE é o fotógrafo e cinegrafista que registra as minhas aventuras

A MORMAII SAÚDE é a linha de protetores solares que eu confio para me proteger do sol.

O UOL é meu patrocinador desde 2003 ->10 anos de parceria!

A BOARD HOUSE é a surf shop que me da todo o suporte com equipamentos de stand up

A BASE

A base escolhida foi a ilha de San Cristóbal, por ser o local das ondas de Galápagos e também por possuir praias lindíssimas e lugares incríveis para visitar, mergulhar e curtir. A hospedagem foi no hotel Micônia por conta da excelente localização, serviço de primeira e toda hospitalidade para os visitantes. Eu saia para surfar ou remar do hotel dava alguns passos e já estava no píer e toda a minha movimentação acontecia por água. Perfeito para quem quer conhecer a ilha de stand up

O SURF

Em 2009 fui ao arquipélago para me tornar a primeira mulher a surfar as fortes ondas de Galápagos de caiaque, em 2012 meu objetivo no surf era mais modesto: testar a minha habilidade nestas mesmas ondas com o stand up!

São 5 picos principais de surf: Carola, Canhão, Loberia, Tongo e Manglesito.

Ondas rápidas com fundo de pedra e com grande influência das marés.

Não sabia como seria a minha performance pois sou uma iniciante do surf de pé, mas tinha apenas duas certezas: se não tentar não vou saber e as surftrips internacionais são a melhor maneira de impulsionar e evoluir a performance do surf. Já no primeiro dia de surf vivi as maiores emoções do surf: consegui surfar algumas ondas, dropei a minha maior onda de sup até o momento (2m), tomei uma série inteira na cabeça nas pedras, cortei o meu pé na terceira onda que surfei e tomei 2 pontos. Foi SENSACIONAL!!!!! Nos dias seguintes surfei ondas de cerca de 1m e no Canhão, ondulação de noroeste, e foi muito divertido!

Carola e Loberia não quebrou enquanto eu estava lá e no Tongo não me arrisquei no tongo, por orientação dos meus amigos (onda muito rápida e com muita pedra)

 

AS REMADAS

Fiz diversas remadas incríveis enquanto estava na ilha. Em todas elas eu saia direto do hotel Micônia para o píer e já entrava na água.

Uma das mais legais foi uma remada de 8km até a Isla Lobos, uma das principais atrações de San Cristobal. O local é uma espécie de maternidade de leões marinhos com água cristalina onde é possível fazer snorkel com os lobinhos bebês e adolescentes. Brincalhões e curiosos os bichinhos ficam nadando com os turistas e proporcionando momentos incríveis de interação. Tartarugas, raias, iguanas e diversas espécies de peixes são alguns do animais possíveis de observar por lá. E o sup é realmente um equipamento diferenciado para a observação de animais – perfeito para Galápagos!

O MERGULHO

Galápagos é um dos melhores lugares do mundo para a prática do mergulho. O principal ponto turístico de San Cristóbal é a Isla Leon Dormido. Dois grandes paredões rochosos que formam uma fenda com uma incrível vida marinha. A fenda é famosa pela grande quantidade de tubarões que se pode observar fazendo mergulho de cilindro ou snorkel. Tartarugas, lobos marinhos, raias e diversas espécies de peixes são alguns dos animais que se podem observar neste lugar tão especial

A GASTRONOMIA

Ceviche todos os dias e muitos frutos do mar! A culinária de Galápagos é deliciosa e com preço accessível: é possível comer um prato de lagosta por U$ 15,00. Pela manhã frutas, sucos, ovos mexidos com queijo e pão (compartilhado com os  passarinhos), no almoço ceviche com patacones (banana frita) ou pipoca.– a entrada básica de todos os restaurantes. No jantar pratos de frutos do mar, com pescados, lagosta, camarão ou então um incrível churrasco de lagosta e peixes.

Também tivemos um jantar incrível com sashimi dos peixes pescados pela galera da casa. Delicioso!

Entre as iguarias exóticas que experimentei destaco a “canchalagua”  – acho que é uma espécie de tatu bola do mar  e o bucho de peixe – estômago do peixe – que tem um gosto forte e o sabor fica um tempão na boca.

OS NOVOS AMIGOS

Uma das coisas mais legais das viagens é que além das ondas, dos passeios e dos novos lugares para conhecer, você sempre traz na bagagem novos amigos. E na trip de Galápados não foi diferente! Por causa do trabalho do Paradise eu conheci, o Edú Pará, sua mulher Gisleine, o Dudinha e toda uma trupe muito gente boa do surf paulista. O pessoal estava na casa do Humberto, local da ilha com histórias incríveis para contar e um super alto astral – o mesmo da sua mulher! Os churrascos de lagosta, de peixes e as conversas no final do dia fizerem a trip ficar muito mais divertida! O Diego, da operadora Gala Surf (www.galasurf.com) também foi nota 10! Parceiro do surf e dos passeios que fizemos e com muitas idéias que vamos colocar em prática para fomentar o SUP em Galápagos! E toda a Galera de San Cristobal que nos recebeu muitíssimo bem…isto fez toda a diferença!

OS TUBARÕES

Vivi várias experiências com os tubarões nesta viagem. Mais de uma vez mergulhei e fiz snorkel com esses animais incríveis na Isla Leon Dormido. Galápagos é um ecossistema totalmente equilibrado e os animais vivem em harmonia. Mas confesso que é uma sensação un tanto desconfortável qdo se vê por exemplo um tubarão martelo 1m abaixo de vc. Um dos momentos mais marcantes que tive na viagem foi quando estava remando e vi diversos tubarões abaixo da prancha, a água cristalina permitia uma grande visibilidade e foi totalmente adrenalizante ver tantos tubarões passando tão perto! Em uma outra remada que vi quando avistei uma barbatana cerca de 10/15m de distância não me surpreendeu, mas me paralisou por alguns segundos…fiz o sinal para o barco de apoio ~falando: Tiiiiburone, Tiiiiburone!!! E ficamos vendo o percurso dele…não foi necessário subir no barco…isso sim é aventura!

A TRAVESSIA

Fazer uma travessia de 20 km em Galápagos foi uma das experiências mais legais que tive no remo. Estava com a minha prancha de surf, não era o equipamento adequado para uma remada longa mas não me atrapalhou em nada pois as 3 horas que passei em cima da prancha contemplando paisagens incríveis e acompanhada de diversos animais me pareceu 20 min. Contratei um barco de apoio para me acompanhar, caso tivesse rajadas de vento forte, tubarões no caminho ou alguma situação que me colocasse em risco. Remar em água cristalina, ter os lobinhos me acompanhando, ver raias e tartarugas e uma barbatana de tubarão em alta velocidade são imagens que ficarão pra sempre na minha memória

O ANO NOVO

O Ano Novo em Galápagos é bem particular, os moradores da ilha fazem bonecos de papelão, plástico e outros materiais. São personagens ou bonecos de pessoas reais, que são super queridos ou odiadas. Estes bonecos que podem ser de polícos, pessoas da família ou astros de TV e desenho animados são expostos na porta de casa ou colocados em caminhonetes que desfila pelas ruas no último dia do ano. Na noite do dia 31, a meia noite estes bonecos são queimados em fogueiras por todos os lados. Mistura o brilho das fogueiras, com os fogos, a música e muitas pessoas nas ruas. A festa é completada com muita música na praça da vila, bebidas e uma comemoração que vai até de manhã.

A COMUNIDADE

San Cristóbal foi a última ilha do arquipélago a fazer as atividades turísticas, isto aconteceu a cerca de 15 anos atrás. E a maioria dos habitantes vivem do turismo e da pesca. A comunidade é extremamente hospitaleira e recebe muito bem os visitantes. A ilha é segura e eu andava a noite pelas ruas tranquilamente. Ao cortar meu pé, fui ao hospital e depois do atendimento (levei 2 pontos) recebi todo o medicamento gratuitamente para dar continuidade no tratamento que seguiria nos próximos dias. Mas conversando um pouco mais a fundo com as pessoas que vivem na ilha você entende as dificuldades relacionadas a educação e saúde que eles vivem. Não há médicos especialistas na ilha e qualquer tratamento mais sério deve ser feito na costa, o que dificulta muito a vida dos mais velhos e quem não tem condições de pagar passagens aéreas.

O PARQUE NACIONAL

O Parque Nacional de Galápagos foi declarado pela UNESCO “Patrimônio Natural da Humanidade” em 1978 e é referência mundial em preservação, com um competente código de conduta e controle sobre toda a área do arquipélago.

As atividades esportivas como canoagem são coordenadas pelas operadoras credenciadas e de devem navegar apenas nas áreas permitidas acompanhada por um guia. Tudo isso para que os visitantes possam desfrutar de lugares paradisíacos algumas vezes exclusivamente e sem impacto para o meio ambiente e os animais!

As atividades esportivas como canoagem são coordenadas pelas operadoras credenciadas de devem navegar nas áreas permitidas.

No caso do stand up, um esporte novo na ilha, atualmente está enquadrado dentro das regras do caiaque, mas passará por uma regulamentação própria uma vez que o parque entende que se trata de um equipamento especial para a observação de animais.

Algumas regras:

– Mantenha pelo menos 2m de distância dos animais e nunca os toque ou interfira na sua rotina.

– Tire fotografias sem flash

– Esportes aéreos e motorizados (ex. Jetski) não são permitidos

– Se deseja acampar, informe-se sobre as áreas permitidas e peça autorização com 48h de antecedência

Para mais informações: www.galapagospark.org

 

1 Comentário

  • Olá Roberta! Primeiramente gostaria de deixar os meus parabéns pela surf trip mágica, o seu relato foi um dos mais empolgantes que já li nas minhas pesquisas até agora…
    Estou indo pra Galápagos no final do ano, irei passar o ano novo lá junto com meu namorado, nós dois pegamos onda – eu de bodyboard e ele de pranchinha… Gostaria de mais detalhes sobre a prática de surf nesta época. As ondas costumam ser constantes e grandes? Rola muito crowd esta época por conta das férias? Qual o nível de surf que precisa ter para surfar as ondas de Galápagos? Também tenho algumas dúvidas sobre valores de pousadas e passeios… Sei que Galápagos é consideravelmente barata, mas ainda não tive uma noção real de quanto é para se hospedar ou para se deslocar de uma ila para outra.
    Desde já agradeço a atenção e espero poder fazer uma surf trip tão linda e mágica quanto a sua! bjos

Deixe um comentário

espn - programa planeta expn

Planeta EXPN - 2011

woohoo - programa na cola

woohoo - programa na cola

revista náutica

Em breve




SUP com golfinhos






UOL

Mormaii Saúde

Board House

Surf Travel

Rádio Eldorado

Radical Life

Rios Montanhas